25.4.14

Essa moça...


para Érika.



Quando essa moça passa
não tem quem não ache graça.
É uma beleza,
mistura de raça.
Ela encanta, desembaça a vista
e conquista.
Me disseram até que é comunista, feminista, naturista...
Estes outros tantos istas que me
intrigam e comovem.

Ah! Essa moça...
É sempre bom avisar:
bravura é sua especialidade,
Sai da frente!
Quando a fé vem com vontade
a menina cresce,
nada nem ninguém a impede.

Mas como chora a moça!
Por qualquer coisa,
quando triste, alegre ou brava.
Poucas sabem
Mas a moça-coragem é um doce
como doce de batata-doce.

Essa moça não sabe o que faz
faz a gente se sentir mais forte
mas bela
faz pensar e deixar de preguiça
recomeçar,
Essa moça me inspira.

Respira, moça!
Enche de ar os pulmões e fala,
fala o que pensa, o que sente.
Respira!